Kannon, representa a compaixão

Sangha Zen da Bahia

paciência sanghazenbahia@gmail.com


Paciência

01.
Boas ações acumuladas em mil eras,
Tais como atos de generosidade,
Ou oferendas ao Bem-aventurado
Um único lampejo de raiva despedaça tudo isso.

Paciência

02.
Nenhum mal é similar à raiva,
Nenhuma virtude pode ser comparada com a paciência.
Mergulhe, portanto, na paciência
De todas as maneiras, com fervor.

Paciência

03.
Aqueles atormentados pelas dores da raiva
Nunca conhecerão a tranqüilidade da mente
Desconhecerão todo tipo de prazeres
O sono os abandona, eles nunca podem descansar

Paciência


04.
O nobre comandante cheio de ódio
Será atacado e aniquilado
Até mesmo por aqueles que o procuravam
em busca de honras e propriedades.

Paciência

05.
Tratado como desconhecido pela família,
Rejeitado por aqueles que foram atraídos por sua generosidade,
O homem raivoso não encontra nenhuma alegria,
Desamparado de toda felicidade e paz.

Paciência

06.
Todos esses males se originam da fúria,
Nossa inimiga que é nossa triste conduta.
Mas aqueles que se apoderam de sua raiva e a destroem
Encontrarão sua felicidade nessa e em vidas futuras.

Paciência



07.
Obtendo o que eu não quero,
E tudo o que obstrui o meu desejo
Nisso minha mente encontra combustível para miséria;
A fúria brota disso, me oprimindo.

Paciência

08.
Portanto eu vou destruir completamente
A sustentação desse meu inimigo,
Meu adversário, Cuja única intenção é
Me trazer injúria e tristeza.

Paciência

09.
Então a todo custo, eu nunca prejudicaria
Minha felicidade e satisfação mental.
A depressão nunca me traz o que eu quero;
Minha virtude seria distorcida e arruinada por isto.